Ebanx ganha excelência em gestão com a SAP de olho no mercado global

Reconhecido como um desbravador do setor de meios de pagamentos, por desenvolver tecnologia para mediar transações na América Latina para empresas globais, como Airbnb, Amazon, AliExpress, Shopee, Spotify e Uber, o unicórnio brasileiro Ebanx é um dos mais novos integrantes do ecossistema SAP. Alexandre Dinkelmann, CFO da Ebanx, afirmou, em conversa com Adriana Aroulho, presidente da SAP Brasil, durante o SAP NOW 2021, que a escolha faz parte da estratégia de expansão global da empresa.

Entusiasmado, Dinkelmann afirma que foi uma decisão bastante importante. Ele ressalta que, com a perspectiva de expansão mundial, numa etapa posterior à consolidação ainda maior na América Latina, contar com um parceiro de tecnologia global é fundamental. Aproximadamente 70 milhões de consumidores latino-americanos utilizam a plataforma do Ebanx.

“Outro fator importante na escolha foi a atuação da SAP em vários cases de sucesso na área financeira e com fintechs. Tínhamos uma decisão importante a ser tomada, operamos com resultados concretos, e o envolvimento da SAP foi muito profundo durante as discussões para trabalharmos juntos. Foi de corpo e alma. Agora sonhamos em ser um case, em que o Ebanx será o fornecedor de aprendizado para outros clientes”, afirma Dinkelmann.

Com disposição de sobra para adoção contínua de tecnologia, o Ebanx enxerga na parceria com a SAP uma oportunidade de oferecer mais segurança e agilidade para a gestão, que foca no mercado global. Um dos primeiros grandes passos para isso foi anunciado em junho deste ano, quando o Ebanx recebeu um aporte de US$ 430 milhões da Advent International, gestora de private equity.

Essa injeção de capital e ânimo na fintech, criada em 2012, reforçou os planos de expansão na América Latina. “Acreditamos muito em ganhar músculos na América Latina e, numa questão de tempo, olharmos mais áreas. Apostamos num conceito de expansão a partir de uma posição de força. Temos muito ainda para tirar da América Latina antes de fazer uma expansão global”, diz Dinkelmann.

Ainda com relação à parceria com a SAP, a meta do Ebanx, segundo o CFO da empresa, é aproveitar ao máximo todo o conhecimento que poderá ser adquirido e usar o investimento em tecnologia para apoiar o capital humano na sua jornada de inteligência e criatividade.

“O poder transformacional da tecnologia é ilimitado. Toda essa automação ajuda a liberar o capital humano para ter grandes ideias. É a tecnologia humanizada. Essa é a beleza da automação”, afirma Adriana. Para o CFO da Ebanx, a meta é “aprender com a SAP como podemos nos tornar a melhor empresa global no setor em que atuamos.”

Share: