FEMSA: maior engarrafador de Coca-Cola do mundo usa SAP Ariba para garantir a continuidade da operação durante a pandemia

Benefícios em curto prazo das soluções SAP foram a chave para o engajamento de equipes e públicos estratégicos em 10 países da América Latina.

Contar com as facilidades do SAP Ariba foi crucial para garantir a continuidade das operações durante a pandemia na FEMSA, empresa mexicana e maior engarrafadora de produtos da Coca-Cola no mundo, presente em dez países da América Latina, incluindo o Brasil. Na sessão Transformando a área de compras para otimizar as experiências dos colaboradores, clientes e fornecedores, realizada no segundo dia do SAP NOW 2020, Jorge Torres, diretor de Abastecimento Estratégico da FEMSA, destacou a importância da transformação digital na área de compras para lidar com as emergências surgidas na crise sanitária.

“Durante a pandemia, foi muito fácil desenvolver negociações para aquisição de equipamentos de proteção, como máscaras, termômetros e luvas. Sem a implantação do SAP Ariba, teria sido muito mais difícil atender as necessidades das pessoas. A solução, sem dúvida, foi fundamental para a continuidade da operação”, afirmou Torres.

Com 50 fábricas e dois milhões de pontos de venda (sendo 400 mil no Brasil), a FEMSA embarcou na transformação digital na área de abastecimento para otimizar os processos internos. Segundo Torres, a percepção interna da área de compras não era boa. Ele explicou que a principal reclamação era a demora para a conclusão dos pedidos.

“A partir da adoção do SAP Ariba, tivemos resultados imediatos, porque desburocratizamos o processo. A solução é magnífica por nos permitir antecipar as necessidades dos clientes internos. Os clientes podem monitorar a posição do pedido. Antes eles dependiam de uma pessoa da área de compras para fazer esse monitoramento. Só colhemos resultados positivos”, disse.

O processo de transformação digital rendeu muito aprendizado, e também muitas oportunidades. Apesar de ter exigido uma mudança cultural nos processos, todos os envolvidos se engajaram por perceberem resultados em curto prazo.

Também presente na sessão, Francisco Reyes, que lidera a área de soluções de compras da SAP (SAP Ariba e SAP Fieldglass) para América Latina e Caribe, destacou que a transformação digital nas empresas não busca apenas automatizar os processos de gastos. Ele ressaltou que a transformação digital traz melhoria nos níveis de resiliência, sustentabilidade e transparência das empresas.

“O sucesso para a transformação digital nas áreas de compras passa pelo entendimento do processo de ponta a ponta. É preciso ter um planejamento claro de recursos, contar com o patrocínio executivo, fazer a comunicação interna, enfim, ter os meios corretos para influenciar pessoas. Elas são as responsáveis pela adoção de processos. Se estiverem bem motivadas, farão a diferença. Não é só uma questão de tecnologia, exige também o envolvimento de pessoas e processos”, observou Reyes.

Nayla Santos, diretora de Desenvolvimento de Negócios SAP Ariba e SAP Fieldglass no Brasil, que coordenou a sessão, enfatizou a visão de Reyes sobre a necessidade de alinhar pessoas, processos e tecnologias para garantir o sucesso na jornada de transformação digital.

De acordo com Nayla, os indicadores-chave de desempenho não estão mais baseados apenas em questões como produtividade e compliance. “Estamos seguindo um caminho de sustentabilidade, diversidade e inclusão. Outros fatores são importantes no processo”, concluiu Nayla.