SAP registrou forte crescimento na América Latina

Empresa registra 18 trimestres consecutivos de crescimento nas soluções cloud na região, com impulso de dois dígitos na nuvem.

A SAP divulgou os resultados do quarto trimestre com forte aumento em todas as linhas de soluções, com crescimento de dois dígitos tanto em venda de licença como na nuvem na América Latina. Com esse resultado, a SAP registra 18 trimestres consecutivos de crescimento nas soluções cloud na região. Toda a região cresceu dois dígitos na nuvem, destacando Brasil, México, Argentina e Peru. A plataforma inteligente SAP S/4HANA continuou a marcar um crescimento constante em 2019, tanto em licenças como na nuvem. O ano também registrou crescimento de dois dígitos nas soluções SAP Qualtrics e SAP Customer Experience (CX), reforçando que as empresas latino-americanas estão colocando a gestão de experiências entre as principais prioridades da agenda.

“Em uma estrutura de constantes desafios como a da América Latina, com grandes mudanças políticas e uma macroeconomia desafiadora, a SAP completou um grande ano na região: consolidou-se como um parceiro estratégico para que 4 mil novos clientes contem com recursos inovadores para transformar, digitalizar seus negócios e continuar sendo relevantes no mundo em evolução da economia digital”, afirmou Claudio Muruzabal, presidente da SAP na América Latina e Caribe. “Tudo isso foi adicionado à necessidade de obter sucesso na economia da experiência, onde as soluções SAP deram o tom durante o ano de 2019”, acrescentou.

Resultados globais

Globalmente, a SAP atingiu todas as suas metas de receita e lucro em 2019. No ano, os novos pedidos de soluções na nuvem somaram 2,27 bilhões de euros, um aumento de 25% na comparação com 2018 e 31%, excluindo a infraestrutura como serviço (IaaS). As subscrições e suporte aumentaram 23%, ultrapassando 12 bilhões de euros no final do ano. Já a receita de cloud foi de 6,93 bilhões (IFRS), alcançando as perspectivas para o ano inteiro. Já a receita proveniente das licenças de software teve queda de 2% na comparação ano a ano, para 4,53 bilhões de euros. Os novos pedidos para licenças de nuvem e software ultrapassaram 11,5 bilhões de euros, um crescimento de 10% em 2019 em comparação com 2018. A receita de cloud e software totalizou 23,01 bilhões de euros (IFRS), também atingindo as perspectivas do ano. Com relação à receita total, o aumento foi de 12% em 2019 na comparação com o ano anterior, para 27,55 bilhões de euros (IFRS).

“A estratégia da SAP de ser a empresa com experiência desenvolvida pela a empresa inteligente está ressoando. Cada vez mais os clientes estão recorrendo à SAP e à Qualtrics para fechar sua experiência na inteligência. Ao mesmo tempo, continuamos a ver forte adoção do S/4HANA como o núcleo da empresa inteligente em todos os modelos de implantação”, afirmam Jennifer Morgan e Christian Klein, co-CEOs da SAP.

Os resultados globais do último trimestre de 2019, também divulgados pela companhia, apontam que os novos pedidos de soluções na nuvem foram de 878 milhões de euros, um aumento de 19% e um crescimento de 20%, excluindo o IaaS. A receita aumentou 35% para 1,90 bilhão de euros (IFRS). Já a receita de licenças de software caiu 4% para 2,00 bilhões de euros (IFRS). Os pedidos para licenças de nuvem e software ultrapassaram 5 bilhões, com crescimento de 6% ano a ano; já as receitas de nuvem e software cresceram 8% em 2019 na comparação com o ano anterior.